Ma vie en rose

De frente, de lado, de costas. En France.


terça-feira, março 31, 2009

Her(d)ança genética

Liguei a televisão e dei de cara com um programa desses su-pe-rin-te-res-san-tes, sobre a vida de ex-Big Brothers franceses. Tipassim, se as vidas de atuais Big Brothers já é uma big bosta, imaginem as dos ex.

Mas, só porque o centro da minha dissertação do master é o infotainment, a informação diversão/distração, resolvi prestar atenção na história muito bonita de uma moça. Fazer o quê, agora tenho créditos para algumas coisas. E vocês sabem, faço quase tudo tudo pela pesquisa.

Não lembro o nome da criatura, mas sua profissão é dançarina e sua missão no mundo é desmistificar a pole dance e o strip-tease. Geinteim, que lindo! Porque eu não vim ao mundo com uma missão assim, Zeus? (Minha mãe responderia: "é que tu nasceu sem bunda, minha filha". Aliás, essa é a mesma desculpa de porque minha família nunca achou que eu fosse prosperar no Jornalismo).

Enfim, enquanto a ex-Big Brother francesa se pelava na frente das câmeras junto com uma colega de profissã, ela contava da dificuldade que as pessoas tinham para aceitar seu trabalho como arte. E ela fica muito triste diante dessa situação, já que sua atividade é tão digna como a de qualquer trabalhador. Quase chorei de emoçã.

Então, já desnuda e se esfregando na colega de trabalho, a bailarina confessa que dança estava no seu sangue, já que sua maman também exercia o mesmo ofício. "Veio de casa a minha vocação..."

- Vagabundice é genético? - pergunto a petit-ami que também assistia ao programa.

"... e tive uma boa escola, já que a minha mãe é brasileira".

- Tá, não precisa me responder.

FIM!

6 Comments:

  • At 11:11 AM, Blogger Jujuba said…

    Já é quarta feira moça, cade o Post???? rsrsr bjos

     
  • At 3:00 AM, OpenID Sonâmbula Insone said…

    Tirar foto pelada e fazer filme pornô por aqui também parece ser genético ...

     
  • At 8:57 PM, Blogger hires héglan said…

    hum... eu diria: "vide gretchen e sua filha que come toda as gostosas da revista sexy"... depois achei que parece meio homofóbico.

     
  • At 3:11 PM, Blogger Chantinon said…

    Eu não sou moralista, nem evangélico... Mas o mundo tá meio estranho. Eu não consigo conviver bem com toda a população sendo artista. Que saudades do passado.
    Por outro lado... encontrar pessoas que pensam igual, se tornou uma caça ao ouro, e quando se encontra, é muita alegria (e verdadeira).
    bjs

     
  • At 9:25 AM, Blogger Criz Azevedo said…

    vou fazer um curso disso e acrescentar ao curriculo de manón bonbon

     
  • At 9:25 AM, Blogger Criz Azevedo said…

    vou fazer um curso disso e acrescentar ao curriculo de manón bonbon

     

Postar um comentário

<< Home