Ma vie en rose

De frente, de lado, de costas. En France.


quinta-feira, outubro 09, 2008

C'est normal!

Todos os franceses que lêem este blog, me fazem reclamações freqüentes sobre o conteúdo dos posts que eu publico aqui. Faz sentido, né? Se não fossem franceses, não reclamariam...

.................................................................................

- Bom dia. Tenho aula de natação às 12h30, mas ainda não tenho a carteirinha da piscina, então não posso passar pela roleta.
- A que horas você tem aula? (olha no relógio)
- Às 12h30. (mas, por conta do meu sotaque, ele entende 2h30)
- Mas o que você quer aqui essa hora então?! Venha no seu horário! (grita)
- Senhor, estou no meu horário. Minha aula começa agora mesmo, mi-di-et-de-mi.
- Ah, bom. É que eu não tenho obrigação de entender se você não fala certo!
- E eu não tenho tenho obrigação de me controlar quando quero dar um soco em você!

É claro que eu não respondi isso. Ainda não cheguei nesse estágio da impaciência. Mas que dá vontade, dá.

.................................................................................

- Bom dia. Eu sou estudante do master de Ciências da Informação e Comunicação e a professora Abry me disse para eu passar aqui e fazer a inscrição na disciplina Cultura e Tradições Populares, já que essa matéria é da unidade de Letras e eu sou do Instituto de Mídias.
- Foi você que ligou ontem e fez uma confusão aqui na secretaria, não foi? (tira os óculos e lança faíscas pelos olhos)
- Ahn?
- Você sabe que atrapalhou todo o nosso trabalho, não é? Você gerou vários problemas para nós! Você...
- É que eu não liguei para cá ontem.
- Não foi ontem? Quando você ligou para cá e fez toda aquela confusão, hein?
- Eu nunca liguei para vocês. Nem sabia que essa sala tinha telefone...
- Tá, mas afinal, o que você quer? - (bufando)
- Eu preciso fazer minha matrícula na disciplina Cultura e Tradições Populares porque não sou desta unidade.
- Mas quem falou para você que, por não ser desta unidade, você deveria fazer a inscrição aqui?
- A professora desta disciplina, Madame Abry.
- Olha, sinceramente, vocês estudantes, só me arrumam preocupação! Vou ligar para sua unidade e falar com a secretária do seu master que você está aqui me causando confusões. (pega o telefone e disca)
- Mas qual é o problema? Eu devo fazer a matrícula em outro lugar, é isso?
- Claro que não! (desliga o telefone) Ninguém atende na sua unidade.
- Ahm... então onde eu devo fazer isso? Lá mesmo na Comunicação?
- Você ainda não entendeu? Mas que dificuldade, hein! Você deve se inscrever aqui mesmo!

Que pena que eu não estava com a minha maletinha primeiros socorros terroristas para explodir toda aquela sala, que pena. E não é que agora já consigo até fazer cara de blasé quando esse tipo de episódio acontece? Estou seguindo um dos melhores conselhos do meu copain. Da série "como sobreviver na França": "Te acostuma a ser xingada".

6 Comments:

  • At 11:31 AM, Anonymous Rafa said…

    Primeiro, eu falaria em francês: por favor, o senhor poderia falar um pouco mais baixo? (finge dor de cabeça com carinha de nojo e mão na orelha)

    Depois, em bom inglês pra francês ouvir, um tom acima, mas nada perto do grito:

    Ow please!!! I'm sooo over that.... That's soooo last week!! (revirando os olhos, bem bicha)

    Besitos e de nada pela dica ótima.

     
  • At 11:32 AM, Blogger Monica said…

    Jesus! Ok, retiro (parcialmente) o que disse sobre os portugueses. Eles ainda têm muito o que aprender com os franceses. Mas como eles têm um pouquinho de dificuldade de aprendizado, eu ainda tenho esperança (rá!). Abstração é tudo. Mas confesso que até já estou até aprendendo a retrucar. E só não contar muito com a capacidade lógica do interlocutor que as coisas dão certo.

     
  • At 1:30 PM, Blogger RodOgrO said…

    HAHAHAHAHAHAHAHAH

    Hmmm... querida, será KARMA isso?? heheh

    Brincadeira, Dany!! ;P

     
  • At 3:45 PM, Blogger Lu Thomé said…

    Ai, eu me vi batendo nessa senhora! Tu me conhece, né? Barraqueira eu... hehehehehehehehe

    Beijos!

     
  • At 9:24 PM, Blogger Mari Thomé said…

    Ah, esses franceses.
    Estou até ficando com medo de um dia realizar meu sonho e viajar para este país!
    :P

    Beijos, Dany!

     
  • At 7:00 PM, Blogger Denise Frizzo said…

    Aaaiiii, Danyyy, eu ri MUITO lendo teus posts!! Como é maluco viver e se adaptar num lugar diferente neh! To me preparando pra isso...Não pude deixar de pensar nas situações que vou passar tb!!

    Mas agora já sei a quem recorrer qdo estiver emapuros! ahahahha

    Muitos beijos!

     

Postar um comentário

<< Home