Ma vie en rose

De frente, de lado, de costas. En France.


terça-feira, agosto 15, 2006

O velho cliente

A mulher chegou na vidraçaria com a placa do túmulo do marido na mão. Sem cerimônias, disse para a atendente que queria uma cola que firmasse bem o material ao azulejo do jazigo. A moça mais se interessou pela foto impressa na placa que pela venda.

- Eu conheço esta pessoa... – disse a vendedora, pensativa.
E se assustou:
- É o seu Vanderlei! Eu não sabia que ele tinha falecido!
- Há seis meses – completou a esposa.

Chorando, a moça se virou para dentro da loja e gritou para os funcionários:
- O seu Vanderlei morreu!!! – se agarrou na viúva e passou a consolá-la como se fossem velhas amigas.

Enquanto isso, outros vendedores, o gerente e até clientes se aglomeraram em torno das duas na tentativa de abraçar a senhora. E todo mundo foi se aproximando, se juntando, até que, de repente, estavam todos em um círculo, abraçados em volta da viúva, chorando a morte do velho cliente.

12 Comments:

  • At 5:03 PM, Blogger Lu Thomé said…

    Depois que tu me contou essa história, e agora lendo, fico pensando: isso dá um conto. E dos bons...
    Beijos, querida!!!

     
  • At 10:57 PM, Anonymous Anônimo said…

    Não entendi. Ficou faltando alguma frase? o velho cliente traia a viúva com a balconista? o qué aconteceu depois?

     
  • At 1:37 PM, Blogger Dany Franco said…

    Obrigada, Lu! Só tu e Morrissey me compreendem...

    Anônimo: não entendeu, te fode!

     
  • At 5:27 PM, Blogger OgrO said…

    Bah, me deu arrepio!!!

     
  • At 9:35 AM, Anonymous Felipe said…

    Se eu estivesse junto pegaria meu resolver e mataria todos ali presentes!

    E outra, alem de ser anonimo, eh tanso hein! Credhuuuuuu!

     
  • At 9:43 AM, Blogger Dany Franco said…

    Esse é meu irmão! :D

     
  • At 12:38 PM, Blogger OgrO said…

    A história, né! Você tem um dom absurdo para escrever!

    Ah, você viu que eu não ganhei (nem fui mencionado) no CCMQ, né?
    =(

     
  • At 3:50 PM, Blogger cherrytati said…

    Só me diz uma coisa: a história é real ou fictícia?

     
  • At 6:06 PM, Blogger Dany Franco said…

    Tati, é real sim. Mas ela fica muito mais interessante com a minha mãe contando e dizendo que se sentiu no meio de um filme tragicômico do Chaplin (e que agora não lembro o nome).

    - E o que tu fez, mãe?
    - Ah, eu me abracei no pessoal e comecei a chorar também!

    Hehehehe... Coisas de Shark City...

     
  • At 5:49 PM, Anonymous Chris y el guión said…

    Concordo com a Lu, e vou além, acho que dá um ótimo filme, podendo ser o epílogo da coisa ou o início da trama.

     
  • At 5:50 PM, Anonymous Chris faísca atrasada said…

    Shark City, hahhahaha
    agora que me dei conta, hahaha

     
  • At 3:50 PM, Anonymous eLy said…

    ahhahaha
    q situação hahhaha
    triste e cômico ao mesmo tempo..

    hahaha

    ;**

     

Postar um comentário

<< Home